sábado, 11 de setembro de 2010

Loucura Heróica

"Éramos loucos, porém conscientes de nossas ações. Sabíamos que seríamos abatidos pela cólera de todas as gentes que se agitavam em torno a nossas ações temerárias. Porém se uma loucura foi alguma vez um método, essa foi a nossa. Não nos resignavamos a uma época que renunciava a tudo. Cuspíamos um 'não' na face da Alemanha de nosso tempo, comentando entre sussuros como haveria de soar esse 'sim' à Alemanha que haveria de vir. Nossa loucura era uma orgulhosa obstinação. Estávamos preparados para suportar as consequências de nossa obstinação. Um homem não pode fazer mais."
(Ernst von Salomon)

Nenhum comentário:

Postar um comentário